Home ARTIGOS CONSUMO: O LIMITE ENTRE A NECESSIDADE E O EXAGERO

CONSUMO: O LIMITE ENTRE A NECESSIDADE E O EXAGERO

CONSUMO: O LIMITE ENTRE A NECESSIDADE E O EXAGERO

Consumir é sim uma necessidade, apesar das críticas e da demonização do consumo. Mas atualmente é difícil separar o que é realmente necessário daquilo que é mero capricho.

O consumo consciente, mais do que um discurso politicamente correto, tem seus aspectos práticos. Através dele é possível manter uma economia saudável, pois entre seus principais trunfos está o equilíbrio entre a manutenção de uma economia próspera e o endividamento das pessoas.

 

Segue algumas dicas para manter um consumismo equilibrado:

  1. Defina quais são seus objetivos de consumo e procure enquadrar a realização deles de maneira que não prejudique seu orçamento;
  1. Cuidado com as promoções. Você não é obrigado a comprar um bem só porque ele está em promoção ou “barato demais”;
  1. Ao se dirigir às compras de supermercado, procure anotar tudo o que deseja comprar e siga esta lista. Agindo assim é mais fácil evitar a compra de itens desnecessários;
  1. Adquira o hábito de conversar em casa sobre as finanças familiares. Quando todos conhecem as possibilidades financeiras da família é mais fácil planejar e realizar os sonhos;
  1. Evite o desperdício. Infelizmente, é comum observarmos na casa de algumas pessoas alimentos serem descartados por não serem utilizados. Assim, compre aquilo que for necessário para seu consumo e preste atenção aos alimentos que podem estragar rapidamente quando não forem consumidos rapidamente.

Consumir com consciência é um exercício de cidadania, é usar a inteligência e jamais extrapolar o limite do que é realmente necessário.

Fonte: http://www.procon.sc.gov.br

MAIS NOTÍCIAS

Deixe um comentário